19/02/20

Guia online de empresas

Polícia procura três assaltantes do hotel de cavalos

Outros quatro acusados já estão presos

19/05/2015  |  Montenegro  |  Policial
Josué Soares, Eliseu Reis e Paulo Rodrigues estão foragidos (Fotos: Polícia Civil)

Josué Soares, Eliseu Reis e Paulo Rodrigues estão foragidos (Fotos: Polícia Civil)

A Polícia Civil de Montenegro divulgou nesta segunda-feira, 18 de maio, os nomes e fotos de três suspeitos de participação no assalto a uma hotelaria de cavalos e duas casas, ocorrido no último dia 06 de abril. Na ocasião, dezoito pessoas ficaram reféns dos bandidos. Os três acusados estão foragidos. Eles serão indiciados por roubo qualificado e formação de quadrilha. Outros quatro membros da quadrilha já estão presos. Os nomes surgiram após uma ação realizada na Região Metropolitana.

 

Na última segunda-feira, dia 18, cerca de 30 policiais civis do Vale do Caí e também de Canoas e de Esteio cumpriram três mandados de busca e apreensão. Os policiais estiveram em Esteio e Sapucaia do Sul. Os três acusados foragidos não foram localizados, mas foram apreendidas uma espingarda Puma calibre 38, mais 86 pedras de crack, papel alumínio para embalar a droga e câmeras de segurança instaladas nos locais.

 

De acordo com o delegado Marcelo Farias Pereira, em buscas anteriores, ocorridas em Gravataí, já tinham sido recuperados parte dos bens roubados no assalto nas duas residências e no haras. Dez dias atrás, em Esteio, foi preso Carlos Alexandre Ferraz, o “Jacaré”, de 32 anos, também acusado de participação no assalto em Montenegro. E há um mês, a Polícia prendeu, em Sapucaia, Daniel Martins Rocha, de 20 anos.

 

Conforme o delegado, um menor infrator também está envolvido. Outros dois indivíduos, presos pela Brigada Militar no domingo de Páscoa, 05 de abril, também serão indiciados por formação de quadrilha. Moisés Moscope, de 46 anos, e André Leivas Coelhos, de 26 anos, residentes em Canoas, estavam fortemente armados, além de portarem coletes a prova de balas e rádios HT. Coelho é cunhado de Daniel Rocha. Segundo a Polícia, existe ligação entre os dois grupos.

 

 

OS PROCURADOS SÃO:

Josué Supi Soares, 35 anos: foragido do semiaberto de São Leopoldo desde 14 de maio

Paulo Henrique Rodrigues, o Paulinho Guri: foragido do semiaberto de Charqueadas

Elizeu da Silva dos Reis: procurado pela Justiça

Já estão presos: Moisés Moscopi, André Leivas Coelho, Carlos Alexandre Ferraz e Daniel Martins Rocha

 

 

O assalto

 

O triplo ataque dos bandidos aconteceu dia 6 de abril, segunda-feira, em Montenegro. Os crimes começaram a partir das 16 horas, quando homens armados invadiram duas residências. A primeira casa atacada fica às margens da RSC 287, próximo ao Parque Centenário. Três indivíduos invadiram e mantiveram as pessoas da casa presas, enquanto monitoravam a casa de um empresário, dono do imóvel. Depois de cerca de três horas de espera, os bandidos atacaram a outra residência. Ao saberem que havia uma hotelaria de cavalos próximo, os bandidos se dirigiram ao local.

 

Como havia muita gente na hotelaria, entre funcionários e clientes, todos foram colocados numa peça nos fundos do estabelecimento. Além de dinheiro e joias da casa do empresário, os assaltantes ainda levaram celulares das pessoas que estavam na hotelaria. Duas caminhonetes de clientes do local foram usadas na fuga.  A ação durou cerca de quatro horas. Os bandidos não usaram máscaras.

 

 

COMUNIQUE A POLÍCIA SE TIVER ALGUMA INFORMAÇÃO A RESPEITO:

Disque-Denúncia: 181

Disque-Denúncia Vale do Caí (pelo WhatsApp): (51) 8416.8115

1ª DP de Montenegro: (51) 3632-1111

 

 

Informações: JB Cardoso/Fato Novo

Guilherme Baptista - Jornalista

 

Comentários

Mais notícias

© Vale do Caí 2013 - Todos os direitos reservados.

Gerenciamento:

Desenvolvimento: